LEÃO FERIDO | Dino parece disposto a tudo para não perder, de novo, para Bolsonaro

A cada dia que se aproxima do pleito eleitoral de 2022, e olha quem falta bastante tempo ainda, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), vai demonstrando que será capaz de tudo para tentar evitar uma nova derrota para Jair Bolsonaro.

Ao invés de se preocupar exclusivamente com os números crescentes da pandemia no Maranhão, o comunista tá querendo fazer qualquer aliança, com o único objetivo de não permitir que Bolsonaro siga por mais quatro anos na Presidência da República.

Neste sábado (06), Dino afirmou que a Oposição a Bolsonaro não tem o “direito” de perder novamente as eleições.

É óbvio que a postagem foi uma espécie de resposta ao comentário feito pelo ex-presidente da República, Lula (PT). O petista afirmou que caso não consiga mesmo disputar o pleito de 2022, o nome ideal para a disputa seria do seu colega de partido, Fernando Haddad.

O posicionamento de Lula foi considerado precipitado por outros esquerdistas, mas Flávio Dino preferiu não polemizar o assunto. No entanto, deixou claro que ele e sua turma precisam estar unidos e fazer o que for preciso para não perder, de novo, para Jair Bolsonaro.

Por Jorge Aragão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: