Prefeitura de São Luís amplia obras na zona rural onde dezenas de bairros recebem asfalto

A Prefeitura de São Luís iniciou a implantação de 7 km de pavimentação na Vila Maranhão, bairro da zona rural de São Luís nesta sexta-feira (31). Ainda na região, avança às obras na  estrada do Maracujá, também na zona rural, que serve de acesso a diversos bairros como Residencial 2000, Magnólia I e II, Vila Maracujá e Alto Paraíso que também recebem pavimentação somando 19 km de asfalto.

“Temos pressa em garantir mais mobilidade e qualidade de vida para estas comunidades, que esperaram por muitos anos por ações de urbanização. Muitas dessas ruas e avenidas nunca foram asfaltadas e os moradores tinham de conviver com a lama nos períodos de chuva e a poeira na estiagem. O asfaltamento, as obras de drenagem, enfim, todas as intervenções que estamos realizando na cidade, pois já são centenas de frentes de trabalho, são em atendimento a essas demandas”, afirmou o prefeito Edivaldo, acompanhado da primeira-dama, Camila Holanda, além do secretário de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo.

Na Vila Maranhão, a Prefeitura está iniciando a pavimentação de dezenas de vias, entre ruas e avenidas, totalizando cerca de 7 km de asfaltamento. A comunidade que cresceu ao longo da rodovia BR-135, no acesso ao setor portuário da Ilha, onde estão instaladas grandes empresas de transporte de combustível, mineração, grãos agrícolas e carga em geral. Os trabalhos começaram pela Rua do Cemitério, com os serviços de preparação do solo por tratores de arado e motoniveladoras, isto é, a terraplanagem.

Na estrada do Maracujá e  Residencial 2000, Magnólia I e II, Vila Maracujá e Alto Paraíso, a Prefeitura de São Luís vai pavimentar cerca de 19 km de ruas e avenidas, que vai beneficiar milhares de pessoas na região, melhorando as condições de mobilidade e acessibilidade. O asfalto já foi implantado em vários trechos, mas há ainda o trabalho de terraplanagem ocorrendo simultaneamente em diversas vias, como a Travessa da União e a Travessa São Jorge, no Residencial 2000, além da Rua Tupinambá, no Alto do Paraíso.

“Por determinação do prefeito Edivaldo estamos pavimentando a Estrada do Maracujá em toda a sua extensão, além de ruas e travessas adjacentes, que vão melhorar as condições de trafegabilidade e também a mobilidade das pessoas da Vila Maracujá, Residencial 2000, Residencial Magnólia I e II e Alto Paraíso. Estas comunidades tinham muitos problemas, sobretudo no período chuvoso, mas agora terão mais qualidade de vida, pois é este o objetivo de todas estas intervenções e obras que estamos realizando”, ponderou o secretário de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo.

MELHORIAS

“Essa rua nunca foi asfaltada. Era uma buraqueira só. A gente tinha que conviver com muita poeira e lama. Agora, esperamos que tudo fique melhor com esta obra”, comentou Auricélia Pereira da Silva, moradora da Travessa São Jorge, no Residencial 2000.

“A chegada do asfalto aqui era esperada há muitos anos”, ressaltou Vera Lúcia Sales Baldez, que mora há 30 anos no Alto do Paraíso, atualmente na Travessa da União. “É bom muito bom ver uma obra desta aqui na nossa rua. Nunca houve asfaltamento aqui e, agora, o prefeito está olhando para nós”, completou Luís Pereira de Sousa, morador há 5 anos da localidade.

MAIS OBRAS

Vale lembrar que, além do conjunto de ações na estrada do Maracujá e adjacências, a Prefeitura está realizando intervenções urbanísticas estruturantes em outras localidades do polo Maracanã, como a Vila Sarney, Vila Industrial, Vila Nova República e Vila Primavera, zona rural. Muitas destas áreas, pela primeira vez na história, estão recebendo pavimentação asfáltica.

Ainda a respeito da zona rural, a Prefeitura está realizando ações de drenagem profunda e superficial na região do Tibiri, Tibirizinho e Rio do Meio, bairros que estão muito próximos entre si e, juntos, formam uma área habitacional composta por milhares de pessoas, cerca de 8 mil famílias, localizadas na altura do km 3 da BR-135. Por lá, estão sendo implantados 7 km de asfalto novo.

SÃO LUÍS EM OBRAS

Em toda a cidade, até então, as frentes de pavimentação do São Luís em Obras já haviam contemplado bairros como Angelim, Alemanha, Cohatrac, Cohama, Cohajap, Ipase de Baixo, Vila Bacanga, Cohab Anil, São Francisco, Parque Amazonas, Recanto dos Vinhais, Liberdade, Camboa, Centro, entre outros.

Além do asfaltamento, o programa São Luís em Obras tem avançado por toda a cidade com centenas de frentes de trabalho, com a reforma de espaços públicos, obras de macrodrenagem, intervenções no trânsito, reforma de mercados, escolas e unidades de saúde, entre outras. Ao longo do ano, os investimentos serão ampliados e se somarão aos já realizados durante toda a gestão para a melhoria da infraestrutura da capital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: