Policiais da SENARC, desarticulam associação criminosa e cumprem cinco mandados de prisão preventiva em São Luís


A Polícia Civil, através da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico, SENARC, deflagrou nesta segunda-feira (10), a Operação “Longa Manus” que desarticulou associação criminosa voltada para o tráfico de drogas onde seus líderes, mesmo estando custodiados dentro do sistema prisional, continuavam a praticar o comércio de drogas se utilizando de terceiros que funcionavam como meros executores de ordens. Durante a operação “Longa Manus”, foram abordados os executores que são filhas e companheira, respectivamente, dos alvos principais.

Os policiais da SENARC cumpriram cinco (5) mandados de prisão preventiva e três (3) mandados de busca e apreensão domiciliar. Todos os presos foram conduzidos a sede da SENARC, onde foram interrogados. Os conduzidos são, Wendel Marcel Machado Urbano, Carlos Evandro Viana, Fernanda da Silva Urbano, Danyelle da Silva Urbano e Luana Lima Ribeiro.

Os policiais da SENARC, afirmaram que todos os conduzidos integravam associação criminosa voltada para o tráfico de drogas com atuação dentro e fora dos presídios, Wendel Marcel e Carlos Evandro, que já se encontravam custodiados no sistema prisional utilizavam aparelhos celulares adquiridos ilegalmente dentro do presídio, davam as ordens a terceiros para que realizassem a compra, venda e distribuição de drogas em toda a ilha de São Luís, partindo do Bairro Liberdade. Após investigação, ficou constatado que, para praticar os crimes, Wendel Marcel se valia das suas filhas Fernanda e Danyelle. Já Carlos Evandro se utilizava da sua companheira Luana Lima para executar os crimes. Após cumpridos os mandados de prisão e interrogados pela polícia civil, todos os indiciados foram encaminhados ao Sistema Prisional, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: