Notícias

Livro “Imortais da Medicina Maranhense” será lançado no dia 5 de abril no Conselho Regional de Medicina

No próximo dia 5 de abril será lançado no Conselho Regional de Medicina (CRM) a obra “Imortais da Medicina Maranhense”. O livro, que teve como orientadores João Bentivi, Janaina Bentivi, Zefinha Bentivi, Cândida Alves, Daiane Bentivi e Natalino Salgado trata da biografia dos médicos maranhenses membros da Academia Maranhense de Letras. Alunos do Uniceuma, agora médicos, fizeram as pesquisas que resultaram nos capítulos da obra que teve a iniciativa do coordenador do  Núcleo de Literatura, Artes e Música (Nuclam) da Universidade Ceuma, professor doutor João Melo e Sousa Bentivi.

Os imortais apresentados são Achilles Lisboa, Alfredo Bacelar e Raimundo Santiago, Antônio Henriques Leal, Bacelar Portela e Álvaro Serra, César Augusto Marques, Fernando Ribamar Viana, João Mohana, Joaquim Gomes de Souza, Justo Jansen e José de Almeida Nunes, Natalino Salgado, Nina Rodrigues, Odilon Soares, Odorico Amaral de Matos, Pedro Braga, Pedro Neiva Santana e Salomão Fiquene.

Para Bentivi, a obra não é apenas para médicos, mas para quem gosta da trajetória de vida dos  19 maranhenses:“é uma iniciativa inédita sobre os perfis dos médicos que fizeram parte da AML. E toda a renda com a venda dos livros será destinada para  a Fundação Antonio Dino instituição que mantém o Hospital do Câncer Aldenora Bello, instituição que atende pacientes com câncer”.

O imortal Benedito Buzar escreveu o prefácio da obra e, por várias vezes, mencionou a relevância da pesquisa e toda a obra.

“O projeto, intitulado Imortagem da Medicina Maranhense, se respaldava numa vasta pesquisa sobre a vida dos médicos que, além da profissão, se dedicaram à atividade literária e fizeram parte da Academia Maranhense de Letras como patronos, fundadores ou membros. Reconhecer sua importância histórica é uma ação mais que necessária”, declarou.

O lançamento da obra será dia 5.04, às 19h e contara com a presença dos alunos, agora médicos da M19, familiares dos imortais, coordenadores do projeto, imprensa e autoridades. Lembrando que sáo poucas unidades e que a renda será revertida para Fundação Antonio Dino.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *