Edilázio mostra o endividamento do MA por empréstimos no Governo Dino

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD), nas redes sociais, criticou o endividamento do Maranhão, através de inúmeros empréstimos realizados pelo Governo Flávio Dino (PCdoB).

De acordo com o levantamento feito pelo parlamentar, somente no Governo Dino o Maranhão já contraiu mais de R$ 1,1 bilhão de Reais em empréstimos bancários.

Além disso, nunca é demais lembrar que o próprio comunista, quando era Oposição e antes de chegar ao Palácio dos Leões, era contrário e criticava os empréstimos contraídos pelos seus antecessores.

Edilázio demonstrou também preocupação com a rapidez que o empréstimo foi aprovado, sem o Governo Dino ter sido transparente na utilização desses recursos. O deputado lembrou ainda que como o Maranhão está classificado como “mau pagador”, o valor dos juros é ainda maior que o normal

“Desde 2016, Flávio Dino vem contraindo empréstimos milionários e aumentando a dívida do estado. E, nesta última semana, foram aprovados mais R$ 180 milhões, recurso que ninguém sabe até o momento para onde será destinado. Ou seja, uma operação feita do dia para a noite, de forma sorrateira como de costume. O pior, é que o governador pagará juros ainda mais altos neste empréstimo porque o Estado está classificado como mau pagador. O Maranhão está quebrado!”, afirmou.

Vale destacar que a maioria dos empréstimos contraídos pelo governador Flávio Dino, pasmem, possuem uma benevolente carência, só começando a serem pagos em 2023, quando não será mais o comunista o governador maranhense. Ou seja, Dino faz o empréstimo, mas quem paga a conta será o próximo governador.

Por Jorge Aragão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: