Com alta do novo coronavírus em São Luís, Rua Grande terá acessos fechados

Em meio ao crescimento de casos confirmados e de óbitos em decorrência da Covid-19 em São Luís, a Rua Grande, principal centro comercial da capital, terá os acessos fechados, a partir desta quinta-feira 30.

A medida restritiva foi divulgada pelo governador Flávio Dino (PCdoB) nas redes sociais, nesta quarta 29, sem maiores detalhes.

“No boletim de agora, taxa de ocupação de leitos de UTI na nossa capital caiu para 79,87%, com os novos que abrimos hoje. Mas não param de chegar pacientes de coronavírus, infelizmente. Amanhã vamos bloquear a Rua Grande, que tem injustificadas aglomerações de pessoas”, publicou o governador.

Devido à ausência de maiores detalhes, não há informações, por exemplo, da logística que será montada —nem sequer se será montada— para evitar que a aglomeração que vem sendo registrada na Rua Grande durante o período de isolamento social migre para outras vias próximas no Centro, como a Rua de Santana, Rua da Paz e Rua do Sol.

Também não há informação se será editado decreto e nem sobre quantos dias a Rua Grande permanecerá com seus acessos fechados.

No início de abril, a Avenida Litorânea, em São Luís, chegou a ter os acessos fechados em ação conjunta do Governo do Maranhão e da Prefeitura de São Luís, mas voltou a registrar aglomerações após o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, desobedecer o isolamento social e utilizar a orla para fazer caminhada. Desde então, não houve mais qualquer divulgação, por parte do governo e nem da prefeitura, de nova medida restritiva no local.

Segundo boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado da Saúde), atualizado até às 20 horas de hoje, o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus em São Luís é 2.432, e de mortes 149.

Por Atual7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: